A CNIPE vai estar presente, por convite da Assembleia da República, na sessão plenária da Assembleia da República, onde se vai debater a petição "Em defesa da Escola Pública", que vai ter lugar no próximo dia 23 de dezembro, pelas 10:00 horas.

 

Foi hoje publicado o ranking das escolas. A sua leitura pode ser feita de diversas formas e, cada um retirar da mesma a melhor perspetiva.

Isabel Flores faz uma análise aos resultados em duas perspetivas interessantes: "(i) a preocupação com os “percursos diretos de sucesso”, que convocam a nossa atenção para um dos maiores problemas do sistema de ensino em Portugal – o chumbo conjugado com aprendizagens deficientes e (ii) a caracterização das escolas a nível socioeconómico e a tomada de consciência de que a responsabilidade pelas aprendizagens não reside apenas na família." Esta análise pode ser lida em: Público on-line de 17/12/2016

 

Informações sobre o IRS 2017 e as despesas de Educação.

No sector daeducação passa a ser possível deduzir despesas, por exemplo, de cantinas escolares ou de transportes.
É um tipo de despesa que passa a ser enquadradano âmbito das despesas de educação dedutíveis para efeitos de IRS. À semelhança do que se passa com as restantes despesas, a sua dedução fica dependente da comunicação electrónica por parte dos prestadores de serviços nos termos do que temos já desde o ano passado.
Estas despesas com as cantinas escolares e os transportes são dedutíveis para efeitos de despesas de educação, mas não podem entrar para as despesas gerais familiares para evitarmos uma dupla dedução.

Estas deduções são também válidas para quem frequenta o ensino privado?
São também dedutíveis no sector privado. O que muitas vezes se passava é que no sector privado este tipo de despesas são disponibilizadas pela própria escola privada e faziam parte da factura que era emitida por estas entidades, isto é, em muitos casos, já estavam a ser, na prática, deduzidas. Criava-se aqui uma situação de diferenciação entre as escolas privadas e as escolas públicas que de alguma forma se resolve com esta medida.

Os passes sociais serão também dedutíveis em IRS?
Passa a ser possível fazer uma dedução, mas é a dedução do IVA incorrido com esses passes sociais e a despesa como passe social passa a ser enquadrada naquele conjunto de despesas que tem o alojamento, a restauração, etc., relativamente às quais se pode deduzir o IVA.


Para que tudo isto possa ser dedutível, não esquecer de pedir todos os comprovativos de despesas com o NIF do agregado familiar.

Conclusões que se podem tirar dos resultados do TIMSS 2016
 

 
- Portugal sobe em média 9 pontos nos referenciais a matemática mas desce 14 pontos a ciências;

- Em termos de referenciais cognitivos, regista-se uma subida na área do conhecimento desde 2011, uma ligeira subida na área do raciocínio, mas uma estagnação na área da aplicação prática, o que nos leva a afirmar que a escola continua a preocupar-se mais com a teoria em vez da prática. Muitos dos nossos filhos e educandos alunos questionam-se sobre para que serve o que estão a aprender, não porque não gostem ou não queiram, mas porque querem mesmo saber.
 
- Curiosamente, as regiões com melhores resultados a matemática são também as regiões com melhores resultados a ciências.
 
- Portugal ocupa a 6ª posição na escala em matemática e a 5a posição a física. Em ambos, abaixo do ponto medio da tabela.
 
- Em termos nacionais, os resultados por regiões espelham os resultados obtidos, sendo que se obtém melhores resultados junto ao litoral do que no interior.
 
- Orientações curriculares muito concentradas no conhecimento o que implica uma aplicabilidade das coisas práticas da vida muito fraca.
 
- Os resultados demonstram que não há paralelismo com os contextos socioeconómicos.
 
- Os alunos chegam ao ensino superior muito mal preparados, pelo que urge encontrar o ponto de equilíbrio entre o conhecimento e a aplicabilidade.
 
Toda a informação sobre os resultados do TIMSS 2016, aqui
 
 
Cnipe, 30 de novembro de 2016

A CNIPE esteve representada, pelo seu vice-presidente, Carlos Patrão,  no seminário "Transição para a vida pós escolar", realizado pela associação Pro-Inclusão em parceria com a associação Pais em Rede no passado fim-de-semana, na Escola Superior de Comunicação Social de Lisboa.

A presença neste seminário permitiu escutar a opinião de técnicos, professores e pais que se dedicam ao estudo da transição pós escolar de jovens com necessidades educativas especiais.
Aproveitamos para agradecer ao presidente da Pro-Andee, Professor Doutor David Rodrigues, a forma fraterna com que nos acolheu.
Informamos os nossos associados que a CNIPE vai assinar em breve um protocolo com a Pro Andee de forma a estarmos sempre atualizados sobre os novos conceitos de intervenção na área da Educação Especial
Convidamos os nossos associados a visitarem a página da Pro-Andee (www.proandee.weebly.com)

 

 

 

(Carlos Patrão e David Rodrigues)

Este site usa cookies para garantir uma melhor experiência de navegação, sendo que os cookies para as operações essenciais do site encontram-se já definidos no seu browser.

Para descobrir mais sobre os cookies consulte a nossa política de privacidade.

  Eu aceito os cookies deste site.